Bem vindos a minha " Aldeia Blogal " !


"O Diabo mora nos detalhes"...


21 de junho de 2010

Se Eu Não Te AMaSSe TaNTo ASSiM...




Amar é arte. Obra-prima de múltiplas cores, que tbém encontra nas dores a maneira de expressão. Por ser singular, amar é plural. É vendaval sem solução ou rumo certo. Equação sujeita ao predicado e objeto. Direto ou indireto sem direção. Amar nem sempre é conclusão. Tbém é inspiração. Um caleidoscópio de luz, que gira em nossa cabeça sem a menor cerimônia ou explicação.
Amar é sedução. É emoção que bate no peito, deixando o ar rarefeito. É a lógica do q não encontra lógica. É criança perdida numa loja de brinquedos. Amar não tem segredos. Tem lampejos. Tem desejos e molejos, em um jogo de cinturas que procuram se enroscar.
O amar pode estar contido até no momento contido. Sobrevive ainda que escondido. Expande-se na amplitude do que o faz infinito. Amar sempre é bonito qdo sem regras. É cabala que não acaba, dobra-se ou se quebra. Qdo galopa, requebra. Qdo remexe, se eleva. Percorre paisagens, e é capaz de fazer nascer a luz até onde só existem trevas.
Amar é para quem ama. É maré que se derrama na areia. É desejo que se espalha na cama. É sede que incendeia. É virtude que se encontra na lama. Amar é viver sem temer redescobertas. É sentir que é possivel manter as asas sempre abertas. É deixar se levar pelas correntes que nos arrebentam. É ter no sentido sua maior prenda. É adormecer sem perder o fio da meada que nos faz sonhar.


Américo do Sul

Blog do autor\http://americodosul.blogspot.com/\

5 comentários:

Blue disse...

Amar é fácil,
Amar é deixar o coração falar.
Sabe qual o problema?
É o depois, as consequencias..........

Beijos

riskcontact disse...

amar demais pode ser dolorido... qd é correspondido é um presente dos deuses +.+

Luna Sanchez disse...

Adorei a comparação com a criança na loja de brinquedos...perfeita!

Beijos, querida!

ℓυηα

Paco Bailac disse...

muchos besos... amiga

Paco

LeoaLoba disse...

QUE POEMA MÁGICO!!!

Há um certo tempo que não apareço por aqui por falta de tempo, mas é sempre uma delícia que me eleva e engrandece muito quando leio os textos que escolhe.

Parabéns por essa sensibilidade tão atraente!!!

E PARABÉNS AO POETA AMÉRICO. Já saio daqui correndo para o blog dele. AMO BELOS POEMAS!!!

Beijos!!!