Bem vindos a minha " Aldeia Blogal " !


"O Diabo mora nos detalhes"...


18 de julho de 2009

FesTa Na ALmA ...



Às vezes, as grandes festas que participamos em nossas vidas são solitárias...
E são nestas orgias solitárias, que conseguimos promover dentro de nós, os verdadeiros estados de festa!
Existem certas conquistas, que quando por nós alcançadas, não se têm como compartilhá-las com outrem!
Elas são frutos de nossas próprias vítórias, arduamente conquistadas, após duros embates.
Sentimos uma euforia interior de realização e conquista, inenarráveis...
Sorrimos pra nossa alma com um orgulho danado do nosso feito!
Brindamos a nós mesmos e nos embriagamos de prazer!
Sentimo-nos poderosos ao constatarmos, que ninguém mais do que nós mesmos, somos os anfitriões eternos de nossas mais curtidas e inesquecíveis festas ao longo de nossas vidas!


Tim Tim

Helô Müller



17 comentários:

▒▓█► JOTA ENE ® disse...

๏̯͡๏

Primeirão rsrs
______________________

Na orgia da bebida, tás convidada para uma bebida a dois. Que tal um bom champanhe? Aceitas? Posso contar contigo? rs

Bjos sóbrios !! rs ๏̯͡๏

Thiago Maia disse...

Tim Tim!!!

Beber é algo divino, faz parte do ser. [não é ser alcóolatra!!!]
Os deuses já faziam isso, e apenas seguimos eles, e nesse embate, nessa orgia particular, fazemos literalmente, a festa.

BEIJO
Ótimo final de semana!

rm disse...

Ei Helô,
não sei se o texto é autobiográfico ou uma "helocubração", mas acho que a vida é uma festa quando se tem esta disposição, aos 17 ou outra idade qualquer...

Gosto da música, apesar... Bem, you know! rss

Léo disse...

A melhor festa é aquela da qual escolhemos participar, seja externamente ou internamente.

Estando bem conosco mesmo é onde resite o maior prazer de nosso divertimento.

Direto do Rio.
Beijos.

Francisco disse...

Helô!
Por coincidência, tenho partcipado de algumas festas solitárias assim.
É bom, não nego, mas que dá uma vontade danada de não beber o champagne sózinho...ah, isso dá!!
Um brindão e um beijãozão!
POOUUUU!(rolha sendo aberta) shhhhhhhh!(espuma saindo) Tim Tim (brindes, é óbvio!) Glub, Glub, Glub! (saboreando o Don Perignon) shhhhhhhh de novo (Sonrisal pela manhã!)

Helô Müller disse...

RM, querido !

Todos os meus grandes momentos, independentes do quão são bons ou ruins, são solitários !
E sempre os serão ... não tenho a menor dúvida disso ! Aliás, assim nascemos e assim morreremos !
Nada o que aconteça no nosso âmago, ou seja, nos recônditos de nossas almas, poderão ser compartilhados com alguém ... Este privilégio do GOZO é íntimo e pessoal por demais ... e novamente torno a dizer:
Não necessariamente só o GOZO BOM, pois o RUIM, na visão de Freud - da qual sou adepta e defensora ardorosa por causa própria - torna-se REPETITIVO pelo prazer que nos proporciona ... mesmo quando tratar-se de um prazer mórbido e sofrido ! E só será quebrado o processo, no momento em que a DOR nos traga mais sofrimento do que o PRAZER insconsciente, com ele advindo...
Assunto polêmico, admito, pra quem tenha "alergia ao auto-conhecimento" e o combata exaustivamente, é claro !! rs
Se alguém souber um "tiquinho só" da Teoria Analítica de Freud, mesmo que só em sua Teoria, entenderá o que estou a dizer tão enfaticamente!!
Sei lá se fiz-me entender, mas gostei tanto da forma como vc pegou a "alma" do texto, por mim escrito, que me empolguei!! rs Não acho justo colocar estas minhas "H'elocubrações" em sua página, portanto irei avisá-lo na sua, que seu comentário "deu cria" !! ( e tb me fez adotar de imediato, a sua forma escrita das minhas elocubrações, já devidamente alteradas nos marcadores do Blog, devido a vc!!
Thanks por tudo, e saiba que detenho uma puta admiração por vc, que seguramente chega a ser um "gozo dos Bons" !! rs

Beijos prazerosos e nem tanto repetitivos, ainda que o sejam! Tendeu ? rs

Helô Müller disse...

Putz, Chico!
Postamos em conjunto!rs
Valeu como um brinde, sem dúvida alguma, mas se o convite pra Don Perignon ainda estiver "de pé"(rs), obviamente que, neste caso, terei gozos repetitivos, com todo respeito ao Dr. Freud !! rs
Beijos espumantes !!

Helô Müller disse...

Agora eu juro que recolher-me-ei aos meus aposentos ...
Ainda com fuso confuso !
( mas batendo certinho com o de Pequim !! rs)

Erica Maria disse...

Belo texto vindo de tua alma amiga!!!


Bjossssssssss!

Luxúria sentida... disse...

nada como um bom néctar divino para soltar o lado mais escondido de cada um...
bjs

john disse...

Não querendo exaltar minha capacidade analítica, mas creio que compreendo muito bem o sentimento ao qual se refere, acho que é uma característica inerentemente ariana, temos vínculos com quase tudo, mas não nos prendemos a nada, até mesmo nos prazeres somos solitários ainda que deliciosamente acompanhados, é como provar de um bom vinho envelhecido em ânforas persas,.
Eu compreendo principalmente quando você diz: “E são nestas orgias solitárias, que conseguimos promover dentro de nós, os verdadeiros estados de festa!
Existem certas conquistas, que quando por nós alcançadas, não se têm como compartilhá-las com outrem ...”, sei que nossos piores algozes somos nós mesmos , assim como nossos maiores “paladinos”, as vezes somos crianças desprotegidas, as vezes velhos em sabedoria, as vezes adolescentes eufóricos, as vezes tudo isso e as vezes nada, somos inconstantes, forças do caos encarnadas e agentes da mudança, e por vezes nos sentimos sós em meio a uma multidão, e noutras fazemos da solidão nossa doce companheira na qual nos extasiamos em gozo descomunal.
Lindo seu texto, puro, selvagem, indomável, e solitário, assim como a alma ariana.

Bjos intensamente arianos.

john disse...

RE: Introspectiva Sim, Menina Robô, Beta, Jurema, Bia, Bela, Silvio, Cris, Everson, Helô.
Diferente do que faço costumeiramente, não responderei a vocês individualmente, não sobre esse tema, ao menos.
Não é que vocês não mereçam, mas por que eu escrevi este texto, com a proposta de dar mais espaço para a interação entre os leitores e para saber a opinião de cada um, como sei que tem muitas pessoas que ainda não comentaram, vou adiar minhas considerações finais, para o final?!(que redundante rsrsrs)
Mas agradeço os seus comentários que agregaram tanto valor às divagações, e Helô que foi a fonte original dessa divagação, vou aguardar seu coment.
Abraços aos “rapazes, e beijos às senhoritas e senhoras.
um ótimo fim de semana a todos, e que não sejamos santos, mas que sejamos “humanos”.

A aproveitando paa deixar meu msn, caso goste de debater sobre temas diversos, seja bem vinda!

ragnarok1804@hotmail.com

sempre estou on a partir das 23:00

Helô Müller disse...

Amigos !

Não deixem de ler tb a POSTAGEM LOGO ABAIXO, aliás interessante por demais !! rs

exoticlic.com disse...

tem conquistas que podem ser insignificantes pro mundo porem são tudooooo pra gente

MOMENTOBRASILCOM.COM disse...

Helô: Aquelevelho deitado: 'antes só q mal-acompanhado" nen tanto assim. Tudo à dois, é sempre mais gostoso desde quando,haja o quere. Se o cHanpange Don Perinhon 55, convide-me. Abrçe e bjs,Roy Lacerda.

Paulo disse...

Cada conquista é um gozo, cada aventura uma tirada, cada beijo um deleite, as vezes é só mesmo para conquistar e depois ficar sem feito, afinal o ponto era esse..
Ser sozinho e poder disfrutar do mundo de conquista em conquista dá uma danação de gozo....
Adorei teu post!!!
Mesmo que solitário o mundo sempre estará aos meus e aos nossos pés!!!!

Bill Falcão disse...

Tim tim! Ao som de Dancing Queen!!
Bjoooooooooooo!!!!!!!!!!